terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Os porquês...

Infelizmente nem tudo é como devia ser.
Fico olhando a minha vida e daqueles a quem amo, e vejo o quão difícil é entender as pessoas.

POR EXEMPLO:
Por que um homem só aprende a dar valor a mulher quando a perde?
Por que a mulher suporta tantos absurdos, e finalmente quando o homem muda ela desiste dele?
Por que é mais fácil conviver com pessoas que não temos intimidade?
Por que somos magoados por quem mais amamos?
Por que as pessoas preferem mentir à ser sinceros?
Por que quando aceitamos alguém pelo que ele é, este não acredita?
Por que as pessoas preferem lidar com hipócritas?
Por que ninguém demonstra o que sente pelo outro?
Por que os homens são tão desconfiados?
Por que as mulheres são tão exigentes?
Por que só amamos quem nos rejeita e rejeitamos quem nos ama?
Por que lutamos tanto pra conquistar, se depois não mantemos a conquista?
Por que brigamos com quem nos trata bem?
Por que falamos pra todo mundo o quanto uma pessoa é especial, menos pra ela?
Por que erramos tanto?
Por que o ser humano é tão complicado?
Por que a mente humama não vem com um manual de instrução?

PREFERE QUE EU RESPONDA?
Porque só damos valor aquilo que é do outro.
Porque tem que ser do nosso jeito.
Porque só ouvimos o que queremos.
Porque só eles têm acesso ao nosso coração.
Porque a verdade dói.
Porque tá todo mundo acostumado a fingir.
Porque a autenticidade requer compromisso.
Porque temos medo de parecermos caretas.
Porque nunca sabem o que quer.
Porque preferimos coisas difíceis.
Porque dá trabalho manter.
Porque queremos mostrar quem manda.
Porque temos medo da segurança dela.
Porque somos burros.
Porque não queremos que ninguém nos conheça.
Porque ninguém é igual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Pesquisar este blog