terça-feira, 18 de novembro de 2008

"O Pai procura verdadeiros adoradores..."

Adorar...
Muitos querem ser, outros dizem que são, mas será que é tão fácil assim ser um adorador?
Se é, então por que o Senhor procura?
Do pouco que sei sobre adoração, posso garantir uma coisa: Não é tarefa fácil.
Adorar, ao contrário do que muitos pensam, não é louvar com uma canção, não é compor uma bela música, não é dançar uma bela coreografia e nem "ministrar" muito bem um período de louvor na igreja.
Adorar requer muito mais.
Requer esforço, ousadia, perseverança, vontade, submissão, humilhação, coragem e entrega.
No mundo espiritual, nada é feito sem esforço e ousadia, e para isso é preciso muita vontade e perseverança pra atingir o alvo proposto, que é tocar o coração de Deus. É preciso ser submisso a Ele, humilhando-nos e tendo coragem de reconhecer que nada somos sem a Sua presença. Adorar é se entregar, abdicar da vontade própria e aceitar de bom grado ser quem Ele quer que sejamos.
Isso não é nada fácil.
Cantar: "Te louvarei, não importa as circunstâncias..." é lindo, mas e viver isso?
Você está disposto a louvá-Lo em meio a adversidade, enfermidade, tribulação e ao desespero?
Se sua resposta é conscientemente sim, então você é quem ele procura: um verdadeiro adorador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...

Pesquisar este blog